???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/4288
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Programa Bolsa Família e fatores associados com a situação de (in)segurança alimentar em famílias de dois municípios da Paraíba
???metadata.dc.creator???: Lopes, Amanda Gonçalves 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Vianna, Rodrigo Pinheiro de Toledo
First advisor-co: Corrêa, Ana Maria Segall
???metadata.dc.description.resumo???: O presente estudo se propôs a identificar os fatores que contribuem com a situação deinsegurança alimentar. Trata-se de um estudo de coorte prospectivo, de base populacional noqual foram entrevistadas famílias residentes nos municípios de São José dos Ramos e NovaFloresta, Paraíba, que participaram de estudo em 2005. O questionário utilizado continha osmesmos módulos da pesquisa realizada anteriormente, com a descrição das característicassócio-demográficas das famílias e a EBIA. As variáveis estudadas são: tipo de moradia,número de cômodos do domicílio, número de cômodos para dormir, tipo de abastecimento deágua, de esgotamento sanitário, destino do lixo, total de moradores, quantidade de crianças,renda familiar per capita, participação no Programa Bolsa Família, relação de dependência,características do chefe da família (cor da pele, escolaridade e atividade de ocupação) ediagnóstico de segurança alimentar e nutricional. Realizou-se a categorização destas variáveise a análise comparativa nos dois momentos, através do teste qui-quadrado de McNemar,considerando-se nível de significância de 5%, para a população geral e para cada grupo demudança de situação de SAN no período (manteve SAN, manteve IA, melhorou a situação oupiorou). Foram criadas as variáveis de mudança : criação de quatro situações para cadavariável consolidando as informações de cada variável nos dois períodos. Este procedimentopossibilitou a análise retrospectiva das variações da SA e da IA. Foi necessário agrupartambém a variável dependente, a qual passou a ter duas categorias, a saber: manteve SANnos dois períodos ou melhorou a situação de SAN em 2011 e manteve IA nos dois períodosou piorou a situação de SAN em 2011 . Foi realizada a regressão logística binária para aanálise de efeito das variáveis sobre as mudanças no perfil de SA das famílias, de cadamunicípio. O modelo final estima as razões de chances, com nível de significância de 5% e osrespectivos intervalos de 95% de confiança (IC95%). Por haver transcorrido um longoperíodo de tempo entre as duas visitas, este estudo apresentou perda de seguimento de 208famílias (33,8%). A prevalência de IA encontrada foi de 62,2%. Observou-se que 80,5% dasfamílias que melhoraram a situação de SAN no período apresentou participação no PBF pelomenos em um dos dois períodos analisados. Apenas a variável participação no PBFapresentou significância através do modelo de regressão utilizado para o grupo Piorousituação de SAN ou manteve IA grave , com quase duas vezes mais chances de melhorar asituação de SAN com o auxílio do PBF (OR=1,98). Entretanto, quando foi incluído o grupoIA moderada com o grupo IA grave, observou-se que a renda é a principal variávelresponsável pela melhoria na situação de SAN (OR=2,14). Os resultados deste estudo indicamque a participação no PBF apresentou efeito positivo levando à melhora da situação de SANno período estudado, especialmente entre aquelas famílias com níveis mais graves deinsegurança alimentar. Ou seja, o incremento da renda familiar favorece consumo alimentarmais adequado, reduzindo as chances das famílias apresentarem agravamento de sua situaçãode SAN.
Abstract: The present study aims to investigate the situation of food insecurity in two municipalities of Paraíba, Nova Floresta and São José dos Ramos. This is a prospective cohort study, a population-based, through home visits to each family of those municipalities, which had participated in a study conducted in 2005. The questionnaire contained the same modules of the 2005 survey, describing the socio-demographic characteristics of households and EBIA. The variables are: type of residence, number of rooms, number of rooms for sleeping, water supply, sewage, garbage disposal, full of residents, number of children, family income, participation in Bolsa Família Program, dependency relationship, characteristics of household head (skin color, educational level and occupation activity) and diagnosis of food security. We carried out the categorization of these variables and the comparative analysis in two stages, using the chi-square McNemar, considering a significance level of 5% for the general population and for each group of FS changing situation in the period (FS kept, maintained FI, the situation has improved or worsened). We created the "change of variables": creation of four situations for each variable consolidating the information for each variable in both periods. This procedure allowed the retrospective analysis of changes in FS and FI. It was also necessary to group the dependent variable, which now has two categories, namely: "the two periods remained FS or FS improved the situation in 2011" and "maintained FI in both periods or worsened the situation in 2011 FS". We performed binary logistic regression analysis for the effect of variables on the changes in the profile of FS households in each county. The final model estimated the odds ratios, with a significance level of 5% and the respective 95% confidence intervals. Because there is a long period of time between two requests, this study showed loss of follow-up of 208 families (33.8%). The prevalence of FI was found to be 62.2%. It was observed that 80.5% of households that have improved the FS situation of the period presented PBF participation in at least one of the two study periods. Only the variable participation in PBF showed significance through the regression model used for the group "FS situation has worsened or remained severe FI", with almost twice as likely to improve the situation of FS with the aid of PBF (OR = 1.98). However, when the group was included moderate FI to severe FI group, it was observed that income is the main variable responsible for the improvement in the situation of FS (OR = 2.14). The results of this study indicate that participation in the PBF had a positive effect leading to improvement of the FS during the study period, especially among those families with more severe levels of food insecurity. The increase in family income favors more appropriate food intake, reducing the chances of worsening of their families present FS situation.
Keywords: Nutrição
Saúde pública
Segurança alimentar e nutricional
Food security
Socioeconomic Factors
Public Health
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Ciências da Nutrição
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós Graduação em Ciências da Nutrição
Citation: LOPES, Amanda Gonçalves. Programa Bolsa Família e fatores associados com a situação de (in)segurança alimentar em famílias de dois municípios da Paraíba. 2013. 104 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Nutrição) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2013.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/4288
Issue Date: 12-Mar-2013
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Nutrição

Files in This Item:
File SizeFormat 
arquivototal.pdf582.1 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.