???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/4737
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Educação do campo no semiárido: o currículo na perspectiva da contextualização e da organização social
???metadata.dc.creator???: Menezes, Ana Célia Silva 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Batista, Maria do Socorro Xavier
???metadata.dc.description.resumo???: O campo, território e lugar de vida, é marcado por conflitos e disputas de interesses antagônicos. Neste espaço tem se construído uma educação que problematiza o currículo como processo de construção de um conhecimento que emerge do cotidiano dos sujeitos e das práticas educativas das organizações e movimentos sociais populares. Discutir a educação do campo na perspectiva da contextualização e da organização social a partir da experiência da proposta pedagógica do município de Uauá, na Bahia campo empírico da pesquisa, foi o que nos propomos neste trabalho. O problema pesquisado surge da necessidade de se responder à indagação: qual a relação entre o processo de contextualização do currículo e a organização social, no âmbito da educação do campo semiárido? Compreender essa relação foi o foco deste trabalho. No referencial teórico aprofundamos conceitos fundamentais como educação popular, educação do campo, currículo contextualizado. Trata-se de uma pesquisa qualitativa descritiva com enfoque metodológico no materialismo dialético, tendo como técnicas de construção das informações a entrevista e a análise documental. Os sujeitos da pesquisa foram técnicos pedagógicos, professores e lideranças sociais. Entre as principais conclusões a que chegamos, destacamos: a compreensão do papel propositivo das organizações sociais populares no processo de contextualização do currículo na lógica da convivência com o semiárido; a importância da prática educativa dessas organizações na proposição e configuração dessa experiência como política educacional e o paradoxo da fragilização da continuidade e consolidação dessa experiência frente à existência de práticas que sinalizam avanços e perspectivas de uma educação do campo que reconhece e afirma a identidade camponesa e a viabilidade de uma vida digna e feliz no campo semiárido.
Abstract: The field of territory and place of life is characterized by conflicts and antagonistic interests‟ disputes. In this space one has built an education that discusses the curriculum as a process of acquiring knowledge that emerges from the everyday practices of individuals and educational organizations and popular and social movements. Discussing the education from the perspective of social contextualization and organization from the pedagogical experience of the town of Uauá Bahia, empirical field of this research, is what we propose in this work. The problem emerges from the need to answer the question: what is the relationship between the process of contextualization of the curriculum and the social organization within the education of the semiarid region? To understand this relationship is the focus of this work. In the theoretical framework we deepen fundamental concepts such as popular education, field education and contextualized curriculum. This is a descriptive qualitative research with methodological focus on dialectical materialism, with the techniques of information construction through interviews and documental analysis. The research subjects were pedagogical technicians, teachers and social leaders. Among the main conclusions we have reached, we emphasize: the understanding of the propositional role of popular social organizations in the process of contextualization of the curriculum in the logic of living in the semiarid region and the importance of these organizations in educational practice proposition and shaping this experience as educational policy and paradox of the continuity fragility and consolidation of that experience before the existence of practices that indicate the progress and prospects of a field education that recognizes and affirms the peasant identity and the viability of a dignified and happy life in semiarid countryside.
Keywords: Educação do Campo
Educação Popular
Currículo Contextualizado
Field Education
Popular Education
Contextualized Curriculum
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Educação
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós Graduação em Educação
Citation: MENEZES, Ana Célia Silva. Educação do campo no semiárido: o currículo na perspectiva da contextualização e da organização social. 2012. 115 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2012.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/4737
Issue Date: 30-Aug-2012
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação

Files in This Item:
File SizeFormat 
arquivototal.pdf1.1 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.