???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/6172
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Pérolas da cantoria de repente em São José do Egito no Vale do Pajeú: memória e produção cultural
???metadata.dc.creator???: Silva, Josivaldo Custódio da 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Batista, Maria de Fátima Barbosa de Mesquita
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho tem como objetivo registrar e estudar a memória da Cantoria de Repente em São José do Egito-PE O Berço Imortal da Poesia, cidade situada na microrregião do Vale do Pajeú. Foi discutida a cantoria no contexto da literatura oral, retirando-a do invólucro da literatura folclórica, convencionalmente adotada como base para categorizar essa arte do repente nordestino. Foi traçado um percurso teórico crítico sobre Memória, Oralidade e Identidade e também sobre a origem, o contexto, o cantador e modalidades do universo da cantoria. A partir daí, foi analisada a memória e produção poética de São José do Egito, através dos discursos e versos colhidos nas entrevistas. Como resultado, percebemos o quanto a poesia, não apenas a de improviso, como também a de bancada, é respeitada e admirada naquela região, revelando valores culturais e identitários do povo. Descobriu-se, ainda, variação em muitos versos memorizados. Isso comprova a influência direta da oralidade, o que não significa que esses textos devam ser taxados como folclóricos ou sem valor poético. Muito pelo contrário, isso revela a existência da veia poética, no próprio declamador, que não sente dificuldade em modificar os versos, ao contrário, cria novos versos, o que justifica uma poesia em vista de tradicionalização. Existe, assim, na cidade um acervo poético oral que persiste na memória daquele povo e muitas vezes é transformado pelo fazer do declamador. Por fim, compreendemos que em São José do Egito, a poesia é uma espécie de Pão nosso de cada dia , permitindo a criação de uma nova forma de tratamento entre os concidadãos que é o termo poeta.
Abstract: This study aims to record and study the memory of Repente Singing in São José do Egito-PE The Immortal Cradle of Poetry, a town in the microregion Valley of Pajeú. The singing was discussed in the context of oral literature, removing it from the involucre of folk literature, conventionally taken as the basis for categorizing this art of northeast repente. A critical theoretical route has been traced about Memory, Orality and Identity and also about the origin, the context, the singer and modality of the singing universe. Thereafter, the memory and poetry of São José do Egito have been analyzed through the speeches and poems collected in the interviews. As a result, we realized how much poetry, not just the improvised one, but also the bancada one, is respected and admired in the region, revealing cultural values and identity of the people. It has been found out a variation in many memorized verses. This proves the direct influence of orality, which does not mean that these texts are to be taxed as folklore or without poetic value. On the contrary, it reveals the existence of the poetic vein, the reciter himself, he feels no difficulty in modifying the verses, instead, creates new verses, which justifies a view of poetry in traditionalization. Thus, there is an oral poetic collection in the city which persists in the memory of that people that quite often is transformed by the reciter. Finally, we understand that in São José do Egito, poetry is a kind of "their daily bread", allowing the creation of a new way of treatment among citizens that is the term poet.
Keywords: Cultura Popular
Literatura Oral
Memória e Produção Cultural
Popular Culture
Oral Literature
Memory and Cultural Production
???metadata.dc.subject.cnpq???: LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Letras
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Letras
Citation: SILVA, Josivaldo Custódio da. Pérolas da cantoria de repente em São José do Egito no Vale do Pajeú: memória e produção cultural. 2011. 463 f. Tese (Doutorado em Letras) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2011.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/6172
Issue Date: 29-Apr-2011
Appears in Collections:Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) - Programa de Pós-Graduação em Letras

Files in This Item:
File SizeFormat 
ArquivoTotal.pdf6.96 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.