???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/6501
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Os gestos na interação de crianças ouvintes e surdas: as possibilidades de um contexto bilíngue.
???metadata.dc.creator???: Ferreira, Waléria de Melo 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Faria, Evangelina Maria Brito de
???metadata.dc.description.resumo???: Esta pesquisa é de natureza observacional, qualitativa, e envolve 08 (oito) crianças ouvintes e 03 (três) surdas, com idades entre 7;7 e 11;10, em situações de interação rotineiras na sala de aula do 3º Ano do Ensino Fundamental, de uma escola inclusiva da rede particular, na cidade de Arapiraca, AL, buscando identificar as estratégias adotadas pelas crianças ouvintes para efetivação da comunicação entre elas e as crianças surdas. O corpus consiste, basicamente, de gravações em vídeo, totalizando 08 (oito) sessões de 30 (trinta) minutos cada, dentre as quais selecionamos 09 (nove) episódios para análise. Fundamentamos nossa investigação nos estudos sobre a cinésica, a proxêmica e a tacêsica, e em teorias, cuja abordagem linguística é interacionista, além de alguns estudos sobre o gesto na aquisição e desenvolvimento da linguagem oral e sobre a aquisição de língua de sinais. Defendemos a tese de que crianças têm a capacidade de se adaptarem linguisticamente aos seus interlocutores. Partimos da hipótese de que, na interação com crianças surdas, as crianças ouvintes produzem movimentos gestuais que lhes permitem, além de afirmar e negar, pedir, perguntar, descrever, narrar, explicar etc., desenvolver seus discursos gestuais através de retomadas, ao mesmo tempo em que estão desenvolvendo uma habilidade comunicativa em uma segunda língua a língua de sinais ao ponto de serem capazes de alternar entre a modalidade oral e a gestual, na tentativa de adaptar suas falas as das crianças surdas. Nossas análises confirmam nossa tese de que as crianças observadas têm a capacidade de se adaptarem linguisticamente aos seus interlocutores, e evidenciam que o percurso do gesto ao sinal se dá em um continuum, onde os gestos, socialmente apreendidos e compartilhados pelas crianças ouvintes e pelas crianças surdas, possibilitam a construção do sentido e, consequentemente, a concretização das interações entre elas.
Abstract: This research regards an observational, qualitative study, which involves 08 (eight) hearing children and 03 (three) deaf children, aged between 7;7 and 11;10, in spontaneous daily interactions within a 3rd year Elementary School classroom in an inclusive private school, in Arapiraca, Alagoas. Our main goal is to identify the strategies adopted by hearing children for effective communication between them and the deaf. The corpus consists basically of 08 (eight) video recordings, each including 08 (eight) 30 minute sessions, from which we selected 09 (nine) episodes for analysis. We based our research on Kinesics, Proxemics and Tacesics, as well as on some studies on gesture in the acquisition and development of oral language and in the acquisition of sign language, based on Interactional Linguistics. Our thesis is that children have the ability to adapt linguistically to their interlocutors and our main hypothesis is that when interacting with deaf children, hearing children produce gestural speech that allow them to confirm, deny, ask, describe, narrate, explain, etc. and they are developing a communicative competence in a second language Brazilian Sign Language - to the point of being able to switch between the oral and sign language in an attempt to adapt their speech to the deaf children. Our analyses confirm our thesis that the children observed have the ability to adapt linguistically to their interlocutors, and show that sign language development occurs on a gesture-to-sign continuum, where the gestures socially learned and shared by both hearing and deaf children, enable the construction of meaning and, therefore, the achievement of communication between them.
Keywords: Movimentos gestuais
Cinésica
Proxêmica
Tacêsica
Aquisição da Libras
Gestural Movements
Kinesics
Proxemics
Tacesics
Second Acquisition of Brazilian Sign Language
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Linguística e ensino
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós Graduação em Linguística
Citation: FERREIRA, Waléria de Melo. Os gestos na interação de crianças ouvintes e surdas: as possibilidades de um contexto bilíngue.. 2010. 238 f. Tese (Doutorado em Linguística e ensino) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2010.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/6501
Issue Date: 29-Jan-2010
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Linguística

Files in This Item:
File SizeFormat 
arquivototal.pdf1.6 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.