???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/6634
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Perfil epidemiológico em saúde bucal do Município de Alagoinha-PB
???metadata.dc.creator???: Costa, Camila Helena Machado da 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Forte, Franklin Delano Soares
???metadata.dc.description.resumo???: O objetivo do presente estudo foi conhecer a prevalência de cárie, necessidades de tratamento e o acesso e avaliação dos serviços odontológicos, assim como o grau em que a saúde bucal compromete o desempenho diário nos grupos etários de 5, 12, 15 a 19, 35 a 44 e 65 a 74 anos do município de Alagoinha, PB, Brasil. A coleta de dados foi realizada em oito setores censitários urbanos do município, utilizando a metodologia do SB BRASIL 2010. Através do mapa cartográfico da cidade, os setores foram percorridos por um examinador previamente treinado (kappa=0,92 IC 95% 0,90-0,95). O exame clínico foi realizado em 316 indivíduos e 371 indivíduos responderam a entrevista, a concordância intra-examinadora foi aferida pelo teste kappa (0,97). O Índice Oral Impacts on Daily Performances (OIDP) foi utilizado para avaliar o impacto bucal no desempenho diário. Após coletados, os dados foram trabalhados pela estatística descritiva e submetidos ao teste estatístico Quiquadrado e Exato de Fisher. A média de prevalência de cárie dentária entre os grupos etários foi de 86,1%, o ceo-d ao 5 anos e o CPO-D aos 12 foi de 1,76 e 2,17, respectivamente. De acordo com o tipo de necessidade de tratamento, em todas as faixas etárias, o maior percentual correspondeu à indicação de restaurações. Houve diferença estatística significativa (p<0,05) em relação à presença de experiência de cárie e gênero, visita ao dentista e interferência nas atividades diárias. Do total de participantes, 12,4% declararam nunca ter ido ao dentista e dentre os que já foram o serviço público foi o mais procurado, onde o principal motivo da procura foi tratamento e a extração dentária. Dos entrevistados, 62,8% tiveram pelo menos um desempenho diário afetado por problemas odontológicos. Houve diferença estatística significativa entre a presença de impacto da saúde bucal em relação à dor de dente, visita ao dentista, necessidade de prótese e experiência de cárie dentária (p<0,005). Conclui-se que há uma demanda reprimida por tratamentos dentários, sendo importante o estabelecimento de políticas públicas de saúde que reorientem os serviços para a oferta da atenção à saúde bucal e da promoção da saúde.
Abstract: The aim of this study was to determine the prevalence of caries and treatment needs and verify acess and evaluation of dental services, as well the degree to which oral health affects the daily performance between the age groups of 5, 12, 15 to 19, 35 to 44 and 65 to 74 years in Alagoinha, PB, Brazil. Data collection was conducted in eight urban census tracts in the city, using the methodology of SB BRASIL 2010. Through the cartographic map of the city, the sectors were recorded by a trained examiner (kappa = 0.92 95% IC 0.90 to 0.95). Clinical examination was performed on 316 individuals and 371 responded to interview and intra-examiner was assessed using the kappa test (0.97). Index Oral Impacts on Daily Performances (OIDP) was used to assess the impact on oral daily performance. Once collected, the data were worked by descriptive statistics and tested using Chi-square and Fisher Exact test. The prevalence of dental caries between age groups was 86.1%, the dmft for 5 years and DMFT at 12 was 1.76 and 2.17, respectively. According to the type of treatment need in all age groups, the highest percentage corresponded to the indication of restorations. There was a statistically significant difference (p<0.05) compared to the presence of caries experience and gender, dental visits and interference in daily activities. Of the total, 12.4% reported never having been to the dentist and among those who were public service was the most sought and the main reason for seeking service was the treatment and tooth extraction. Of the respondents, 62.8% had at least one daily performance affected by dental problems. There was a statistically significant difference between the presence of impact of oral health in relation to a toothache, dental visits, need for prosthesis and dental caries experience (p <0.005). It is concluded that there is an unmet demand for dental treatment, is important to establish public policies reorient health services for the provision of oral health care and health promotion.that measures aimed at preventing and treating this population.
Keywords: Cárie dentária
Saúde bucal
Acesso
Qualidade de Vida
Dental caries
Oral health
Access
Quality of Life
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Odontologia
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós Graduação em Odontologia
Citation: COSTA, Camila Helena Machado da. Perfil epidemiológico em saúde bucal do Município de Alagoinha-PB. 2011. 82 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2011.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/6634
Issue Date: 1-Nov-2011
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Odontologia

Files in This Item:
File SizeFormat 
arquivototal.pdf1.46 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.