???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/6682
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Estudo comparativo sobre a influência das agenesias dentárias no padrão cefalométrico
???metadata.dc.creator???: Costa, Luciana Ellen Dantas 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Duarte, Ricardo Cavalcanti
First advisor-co: Farias, Ricardo Lombardi de
???metadata.dc.description.resumo???: Este estudo teve como objetivo verificar a influência das agenesias dentárias no padrão cefalométrico em pacientes residentes na cidade de João Pessoa/PB, no ano de 2009. A amostra constou de 52 pacientes com ausências congênitas de um ou mais dentes (excluindo terceiros molares), de ambos os gêneros, em fase de dentadura mista (grupo 1, n=29 pacientes, na faixa etária de 8 a 12 anos, média de 9,93 ± 1,43 anos) e dentição permanente (grupo 2, n=23 pacientes, na faixa etária de 13 a 18 anos, média de 14,63 ± 1,82 anos). A coleta de dados abrangeu o diagnóstico da agenesia dentária por meio da observação de radiografias panorâmicas e fichas clínicas, e a obtenção do padrão cefalométrico em telerradiografias em norma lateral. Foram tomadas 20 grandezas cefalométricas esqueléticas e 9 dentárias a partir de cefalogramas obtidos no software Cef X® (versão 2.4). A análise transversal permitiu a comparação do padrão cefalométrico dos pacientes com agenesias dentárias (Grupos 1 e 2) ao padrão de brasileiros, proposto por Martins et al., (1998) (Grupos-controles 1 e 2), respectivamente. Os pacientes com agenesias dentárias foram divididos em subgrupos de acordo com a região de incidência (anterior e posterior) e arco dentário atingido pelas ausências (maxila e mandíbula). Os dados foram analisados através do programa estatístico SPSS versão 13.0 (Statistical Package for the Social Sciences), realizando-se distribuições de freqüências, obtenção das medidas descritivas para todas as variáveis, assim como testes estatísticos de comparações entre os grupos (teste t de Student, não pareado). As ausências dentárias mais freqüentes observados nos pacientes do grupo 1 (dentadura mista), envolveram os incisivos laterais superiores (46,3%) e segundos pré-molares inferiores (18,5%), nos pacientes do grupo 2 (dentição permanente), os segundos pré-molares inferiores (54,5%) e incisivos laterais superiores (18,2%), foram os mais envolvidos. Comparado ao padrão cefalométrico de brasileiros, os pacientes com agenesias dentárias, em ambos os grupos apresentaram alterações significativas na dimensão vertical e horizontal, demonstrado pelo reduzido comprimento dos maxilares, da base craniana anterior e da altura facial ântero-inferior, enquanto que apenas no grupo 2 observou-se, retrusão mandibular e alterações dentárias significativas, associadas à agenesias dentárias envolvendo o arco dentário inferior, foram apresentadas. Embora se tenha observado que as agenesias dentárias não influenciaram o padrão de crescimento facial nos pacientes do presente estudo, ao conceber o plano de tratamento, o ortodontista deve considerar que as dimensões craniofaciais e o relacionamento interarcos, nestes pacientes podem estar alterados, para além das variações associadas à idade.
Abstract: This study aimed to ascertain the influence of dental agenesis in cephalometric pattern in patients residing in the city of João Pessoa / PB, in the year 2009. The sample consisted of 52 patients with congenital absence of one or more teeth (excluding third molars) of both sexes in mixed dentition (group 1, n = 29 patients, aged 8 to 12 years, mean 9.93 ± 1.43 years) and permanent dentition (group 2, n = 23 patients, aged 13 to 18 years, mean 14.63 ± 1.82 years). The data collection covered the diagnosis of tooth agenesis by observing panoramic radiographs and clinical records, and getting in cephalometric lateral radiographs. Were taken twenty cephalometric skeletal and dental nine from cephalograms obtained Cef X ® software (version 2.4). A cross-sectional analysis enabled comparison of the cephalometric pattern of patients with dental agenesis (Groups 1 and 2) the pattern of Brazil, proposed by Martin et al. (1998) - (control group 1 and 2), respectively. Patients with tooth abnormalities were divided into subgroups according to the region of impact (front and back) and hit by absences arch (maxilla and mandible). Data were analyzed using SPSS version 13.0 (Statistical Package for Social Sciences), performing frequency distributions, descriptive measures of achievement for all variables, and statistical tests of comparisons between groups (t test Student's unpaired). The missing teeth more frequently observed in patients in group 1 (mixed dentition), involving the upper lateral incisors (46.3%) and second mandibular premolars (18.5%) patients in group 2 (permanent dentition) the second pre-molars (54.5%) and lateral incisors (18.2%) were most frequently involved. Compared to standard cephalometric Brazilians, patients with dental agenesis in both groups showed significant changes in vertical and horizontal dimension, demonstrated by the reduced length of the jaws, the anterior cranial base and anterior inferior facial height, whereas only in group 2 was observed, mandibular retrusion and significant dental changes associated with tooth agenesis involving the lower arch, were presented. Although it was observed that the tooth abnormalities did not influence the pattern of facial growth in patients in this study, in designing the treatment plan, the orthodontist should consider that the craniofacial dimensions and the relationship interarch, these patients may be changed, in addition to the variations associated with age.
Keywords: Agenesia dentária
Cefalometria
Ortodontia
Dental agenesis
Cephalometry
Orthodontics
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Federal da Paraí­ba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Odontologia
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós Graduação em Odontologia
Citation: COSTA, Luciana Ellen Dantas. Estudo comparativo sobre a influência das agenesias dentárias no padrão cefalométrico. 2010. 160 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade Federal da Paraí­ba, João Pessoa, 2010.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/6682
Issue Date: 15-Jan-2010
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Odontologia

Files in This Item:
File SizeFormat 
parte1.pdf1.54 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.