???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/7767
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Educação na primeira república parahybana: legislação, imprensa e sujeitos no governo de Camillo de Hollanda (1916-1920)
???metadata.dc.creator???: Biserra, Ingrid Karla Cruz 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Costa, Jean Carlo de Carvalho
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho objetivou analisar as principais discussões em torno da educação durante o governo de Camillo de Hollanda (1916-1920). Para isso foi necessário mapear os sujeitos envolvidos e analisar os principais debates em torno da rede de sociabilidade destes. A periodização justifica-se porque, nesse período, houve uma maior abertura na discussão e na efetivação de ações voltadas para a educação no estado da Parahyba, em que foi possível observar um intenso debate a respeito das questões educativas, principalmente sobre os novos ditames pedagógicos propugnados pelo ideário escolanovista que se formava e operacionalizava-se nos vários grupos escolares criados a partir de 1916 no estado. Imbuído dos preceitos modernos e guiado pelos ideais sanitaristas, esse governo desenvolveu uma proposta de organização do estado baseada nesse ideário, reverberando especialmente na legislação do ensino. Sobressaíram-se mudanças na arquitetura da capital – abertura e alargamento de ruas, construção de praças e prédios públicos, e no âmbito educacional, a Reforma da Instrução Primária Parahybana, oficializada pelo decreto 873, de 21 de dezembro de 1917 como um desdobramento das discussões sobre o higienismo e o embelezamento da cidade. Utilizamos como fonte, sobretudo, os documentos oficiais – legislação, mensagens presidenciais, almanaque do estado e os escritos produzidos pelos sujeitos do período em jornais, relatórios, atas, correspondências, livro e boletim. Em tais veículos, os professores primários e os secundários, tomados em nossa pesquisa como intelectuais, discutiram sobre temas como a higiene escolar, a educação física, a ginástica, a educação moral e cívica, a inspeção médica escolar, entre outros assuntos imersos no rol de discussões do período. Observamos que, engajados nas discussões no plano das ideias, inseparáveis do campo político, os intelectuais criaram formas de ação política para intervir na sociedade. As categorias sociabilidade, geração e itinerário, utilizadas em nosso trabalho e extraídas do pensamento do historiador francês, Jean-François Sirinelli, auxiliaram-nos a entender os sujeitos numa perspectiva social e histórica e em suas trajetórias intelectuais. De modo geral, os elementos apontados nas fontes derivaram de várias iniciativas preocupadas por inserir o país na modernidade sob os ideais de higiene, beleza, progresso e civilidade. Rever as discussões de intelectuais nesses espaços nos ajuda a entender o complexo processo de escolarização brasileira e, em particular, o lugar ocupado por intelectuais paraibanos nesse cenário.
Abstract: This study aimed to analyze the main discussions on education during Camillo de Hollanda government (1916-1920). This required map the involved subjects and analyze the main debates around the sociability network of these. The periodization is justified because in this period there were greater openness in the discussion and effective actions aimed for education in the state of Parahyba, it was possible to observe an intense debate on educational issues, especially on new teaching dictates propounded by the New School ideals that formed and operated up in various school groups created from 1916 in the state. Imbued with the modern principles and guided by the sanitarists ideals, this government has developed a proposal for a state organization based on that ideology, reverberating especially in education legislation. Excelled changes in the capital‟s architecture - opening and enlargement of streets, construction of squares and public buildings, and in the education sector, the reform of Parahybana‟s Primary Education, officiated by Decree 873, of December 21, 1917 as an offshoot of the discussions on the hygienism and the beautification of the city. We used as a source, above all, the official documents - legislation, presidential messages, State' almanac and writings produced by the subjects in newspapers of the period, reports, minutes, correspondence, book and newsletter. In such vehicles, primary and secondary teachers, taken in our research as intellectuals, discussed issues such as school hygiene, physical education, gymnastics, moral and civic education, school medical inspection, among other things immersed in the list of discussions of that period. We observed that, engaged in discussions in terms of ideas, inseparable from the political field, intellectuals created forms of political action to intervene in society. The sociability categories, generation and itinerary, used in our work and extracted from the thought of the French historian, Jean-François Sirinelli, helped us understand the subject in a social and historical perspective and their intellectual trajectories. In general, the elements mentioned in the sources derived from several concerned initiatives to insert the country in modern times under the ideals of health, beauty, progress and civility. Reviewing the intellectual discussions in these areas helps us to understand the complex process of Brazilian education and, in particular, the role played by Paraíba‟s intellectuals in this scenario.
Keywords: Educação; Intelectuais; Imprensa; Reformas da instrução; Higienismo.
Education; Intellectuals; Media; Education reforms Hygienism.
???metadata.dc.subject.cnpq???: EDUCACAO::ENSINO-APRENDIZAGEM
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Educação
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Educação
Citation: BISERRA, Ingrid Karla cruz. Educação na primeira república parahybana: legislação, imprensa e sujeitos no governo de Camillo de Hollanda (1916-1920), 2015. 183 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Educação) - Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2015.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/7767
Issue Date: 24-Mar-2015
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivototal.pdf3.01 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.