???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/8054
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Avaliação dos efeitos farmacológicos e toxicológicos do estrato etanólico, fase clorofórmica e flavonoide de Praxelis clematidea (griseb.) R.M. King & H. Robinson (Asteraceae)
Other Titles: Evaluation of pharmacological and toxicological effects of the ethanol extract, chloroform phase and flavonoid Praxelis clematidea (Griseb.) RM King & H. Robinson (Asteraceae)
???metadata.dc.creator???: Oliveira Filho, Abrahão Alves de 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Lima, Edeltrudes de Oliveira
???metadata.dc.description.resumo???: O aumento da resistência dos micro-oganismos patógenos aos antimicrobianos existentes no mercado tem impulsionado a busca de novas alternativas terapêuticas, como os produtos naturais a base de plantas pertencentes a várias famílias do reino vegetal, como por exemplo a Asteraceae, que se apresentam como uma solução viável devido ao baixo custo e fácil acesso da população. No entanto, a pesquisa de compostos derivados de plantas com propriedade farmacológica deve sempre ser unida aos estudos toxicológicos, afim de se comprovar a ausência de malefícios destas substâncias ao organismo humano. Com base nessas premissias, foram estudados os efeitos farmacológicos e toxicológicos do extrato etanólico (EPC), fase clorofórmica (FPC) e 5,7,4’-trimetoxiflavona (TMF) provenientes de Praxelis clematidea. Para a realização dos estudos antimicrobianos in vitro utilizou-se o teste de microdiluição com diferentes cepas fúngicas e bacterianas. Na realização dos estudos de atividade antioxidante e citotoxicidade utilizou-se hemácias humanas obtidas do banco de sangue do Hospital Universitário Lauro Wanderley. Nos estudos de toxicidade aguda e de genotoxicidade utilizou-se camundongos Swiss oriundos do Biotério Thomas George/UFPB. Os experimentos de atividade antimicrobiana revelaram que EPC e FPC promoveram um efeito antifúngico contra espécies do gênero Candida, sugerindo que ambos possuem metabólitos secundários ativos contra fungos. O TMF, composto majoritário isolado de FPC, promoveu um efeito antibacteriano contra espécies gram positivas e gram negativas, com concentração inibitória mínima (CIM) de 128 μg/mL e efeito antifúngico contra diferentes espécies do gênero Candida. A CIM do TMF foi 32 μg/mL para as cepas de Candida krusei. Com relação às cepas de Candida albicans, tanto a CIM como a concentração fungicida minima (CFM) foram 64 μg/mL, aliado a isso, este efeito antifúngico envolveu a ação sobre a parede celular e a membrana plasmática desta espécie de fungo estudada. Além disso, o TMF diminuiu os danos eritrocitários causados tanto pela exposição do peróxido de hidrogênio, quanto pela alteração osmótica e apresentou um efeito antioxidante frente a formação de metahemoglobina em hemácias. O TMF demonstrou uma baixa toxicidade teórica, bem como uma boa biodisponibilidade oral através da análise in silico. Estes dados foram confirmados através da análise da citotoxicidade frente a eritrócitos, que revelou valores de hemólise abaixo de 10 % para todos os tipos sanguíneos testados. Na avaliação da toxicidade aguda após a administração oral do TMF (300 mg/kg), pode-se observar que o composto em estudo não induziu alterações comportamentais nos camundongos e apenas alterou o consumo de ração dos animais tratados, sem modificar o peso corporal, peso dos órgãos e os parâmetros bioquímicos e hematológicos avaliados. A análise do potencial genotóxico do TMF revelou que este metabólito não foi capaz de causar danos no DNA das células do sangue periférico dos animais tratados. Em conclusão, estes resultados sugerem que o EPC, a FPC e o TMF apresentam efeito antimicrobiano, e que o flavonoide também possui efeito antioxidante, com baixa potência citotóxica, toxicológica e genotóxica.
Abstract: The increasing resistance of micro-oganismos pathogens to existing antimicrobial market has driven the search for new therapeutic alternatives, such as natural herbal products belonging to various families of the plant kingdom, such as Asteraceae, which are presented as a viable solution due to the low cost and easy access of the population. However, the search for compounds derived from plants with pharmacological property must always be attached to toxicological studies in order to show the absence of these substances harm to the human body. Based on these premissias, pharmacological and toxicological effects of the ethanol extract (EPC), chloroform phase (FPC) and 5,7,4'-trimethoxyflavone (TMF) from Praxelis clematidea were studied. For the realization of in vitro antimicrobials studies was used the microdilution test with different fungal and bacterial strains. In carrying out studies of antioxidant activity and cytotoxicity was used human erythrocytes obtained from the blood bank of the University Hospital Lauro Wanderley. In acute toxicity studies and genotoxicity was used Swiss mice derived from the Vivarium Thomas George / UFPB. The experiments of antimicrobial activity revealed that EPC and FPC promoted an antifungal effect against Candida species, suggesting that both have secondary metabolites active against fungi. The TMF, major compound isolated from FPC, promoted an antibacterial effect against gram positive and gram negative species, with minimum inhibitory concentration (MIC) of 128 ug / mL and antifungal effect against different Candida species. The MIC TMF was 32 ug / ml for the strains of Candida krusei. With regard to the strains of Candida albicans, both the MIC and the minimum fungicidal concentration (MFC) was 64 ug / mL, combined with it, this involved the action antifungal effect on the cell wall and the plasma membrane of this species studied fungus. In addition, TMF caused decreased erythrocyte damage both by the exposure of hydrogen peroxide, as the osmotic change and showed an antioxidant effect against methemoglobin formation in erythrocytes. The TMF showed low theoretical toxicity and good oral bioavailability by in silico analysis. These data were confirmed by analyzing the cytotoxicity against erythrocytes, which showed hemolysis values below 10% for all blood types tested. In the evaluation of acute toxicity after oral administration of TMF (300 mg/kg), it can be seen that the test compound did not induce behavioral changes in mice and only alter feed intake of animals treated without altering body weight, organ weights and parameters biochemical and hematological evaluated. The analysis of the genotoxic potential of TMF showed that this metabolite was not able to damage the DNA of cells of the peripheral blood of treated animals. In conclusion, these results suggest that the EPC FPC and TMF have antimicrobial effect and which also has the flavonoid antioxidant effect with low cytotoxicity potency, toxicology and genotoxicity.
Keywords: 5,7,4’-trimetoxiflavona
Praxelis clematidea
Antimicrobiano
Antioxidante
Citotóxico
Genotóxico
Toxicológico
5,7,4’-trimethoxyflavone
Antimicrobial
Antioxidant
Cytotoxic
Genotoxic
Toxicological
???metadata.dc.subject.cnpq???: CIENCIAS BIOLOGICAS::FARMACOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Farmacologia
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Produtos Naturais e Sintéticos Bioativos
Citation: OLIVEIRA FILHO, Abrahão Alves de. Avaliação dos efeitos farmacológicos e toxicológicos do estrato etanólico, fase clorofórmica e flavonoide de Praxelis clematidea (griseb.) R.M. King & H. Robinson (Asteraceae). 2015. 174 f. Tese (Doutorado em Produtos Naturais e Sintéticos Bioativos) - Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2015.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/8054
Issue Date: 6-Feb-2015
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Produtos Naturais e Sintéticos Bioativos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivototal.pdfarquivototal2.03 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.