???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/8183
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Aspectos religiosos, educacionais e valorativos da intenção de voto
Other Titles: Religious, educacional and value aspects of voting intention
???metadata.dc.creator???: Santos, Layrtthon Carlos de Oliveira 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Gouveia, Valdiney Veloso
???metadata.dc.description.resumo???: Esta dissertação objetivou conhecer as relações entre intenção de voto, aspectos religiosos, educacionais e valores. Dois estudos foram realizados, cada um com duas etapas. O Estudo 1 inicialmente reuniu evidências de validade e precisão da Escala de Intenção de Voto por Cargos Políticos e da Escala de Participação Política Não-convencional. Participaram 374 universitários com média de idade de 23,7 anos (DP = 7,25). Para o primeiro instrumento, observou-se um agrupamento de seus itens em um único fator que explicou 78,2% da variância (α = 0,95). A segunda medida teve sua estrutura trifatorial corroborada por uma Análise dos Componentes Principais (PC), sendo: demonstração legal (α = 0,74), uso de violência (α = 0,62) e participação passiva (α = 0,69), os quais explicaram conjuntamente 49% da variância. Participaram da segunda etapa 351 universitários com média de idade de 23,7 anos (DP = 7,28), respondendo as medidas supracitadas e: Questionário dos Valores Básicos, Escala de Práticas Religiosas, Escala de Crenças Religiosas e uma lista de atributos. Foram distribuídos aleatoriamente perfis de candidato hipotético, derivado de orientação religiosa vs nível de escolaridade. Os resultados indicaram correlações positivas entre as crenças católicas e protestantes com os perfis católico e evangélico, respectivamente; maior definição pelos atributos positivos e intenção de voto nos perfis com nível superior; e congruência valorativa entre participantes e candidatos no geral. Do Estudo 2 participaram 226 pessoas recrutadas online, com média de idade de 24,9 (DP = 5,77). Esta primeira etapa focou nas propriedades psicométricas da Escala de Fundamentalismo Religoso e da Escala de Quatro Dimensões Básicas da Religiosidade. Para a primeira, verificou-se por meio de uma PC uma solução unifatorial, com seu componente explicando 50% da variância (α = 0,90). A segunda teve seu modelo tetrafatorial corroborado através de uma Análise Fatorial Confirmatória [χ²/gl = 2,67, GFI = 0,91, AGFI = 0,86, CFI = 0,97 e RMSEA = 0,08 (IC90% = 0,068 – 0,104)], com os fatores: comunidade (α = 0,95), moralidade (α = 0,93), emoções (α = 0,89) e sentido (α = 0,85). A segunda etapa contou com 165 indivíduos com média de idade de 25,1 (DP = 5,47), também recrutados virtualmente. Aplicaram-se os seguintes instrumentos: TAI Político-religiosidade, Escala de Intenção de Voto por Cargos Políticos, Questionário dos Valores Básicos, Escala de Orientação à Dominância Social, e Escala de Autoritarismo de Direita. Os resultados mostraram uma associação mais rápida do bloco congruente do TAI Político-religiosidade (político religioso + positivo); o escore D correlacionou-se positivamente com o fundamentalismo e com os valores normativos; houve explicitamente maior intenção de voto no candidato não-religioso, com influência do nível de religiosidade e da importância da religião. Concluiu-se que os objetivos desta dissertação foram alcançados, contribuindo para o conhecimento sobre os aspectos religiosos, educacionais e valorativos da intenção de voto; e acerca das atitudes implícitas em relação a políticos religiosos.
Abstract: This dissertation aimed to identify the relationships between voting intention and religious, educational and values aspects. Two studies were conducted, each one with two steps. Study 1 initially gathered evidence of validity and reliability of the Voting Intention by Political Positions Scale and the Non-conventional Political Participation Scale. Participated 374 undergraduate students with a mean age of 23.7 years (SD = 7.25). For the first instrument, its items were grouped into a single factor that explained 78.2% of the variance (α = 0.95). The second measure had its three-factor structure supported by a Principal Component Analysis (PC): legal demonstration (α = 0.74), violence using (α = 0.62) and passive participation (α = 0.69), which together account for 49% of the variance. Participated in the second stage 351 students with a mean age of 23.7 years (SD = 7.28), answering the above measures and: Basic Values Survey, Religious Practices Scale, Religious Beliefs Scale and a list of attributes. Hypothetical candidate profiles were randomly distributed, deriving from religious orientation vs schooling. The results showed positive correlations between Catholic and Protestant beliefs with the Catholic and Evangelical profiles voting intention, respectively; higher definition by positive attributes and higher voting intention on the profiles with higher education level; and values congruence between participants and candidates in general. About the Study 2, participants were 226 people online recruited, with a mean age of 24.9 (SD = 5.77). This first stage focused on the psychometric properties of the Religious Fundamentalism Scale and the Four Basic Dimensions of Religiousness Scale. For the first one, it was found a solution unifactorial through a PC, with its component explained 50% of the variance (α = 0.90). The second one had its four-factor model supported by a Confirmatory Factor Analysis [χ²/df = 2.67, GFI = 0.91, AGFI = 0.86, CFI = 0.97 and RMSEA = 0.08 (90% CI = 0.068 - 0.104)], with the following factors: community (α = 0.95), morality (α = 0.93), emotions (α = 0.89) and meaning (α = 0.85). The second step included 165 subjects with a mean age of 25.1 (SD = 5.47), also recruited virtually. Were applied the following instruments: Politician-religiousness IAT, Voting Intention by Political Positions Scale, the Basic Values Questionnaire, Social Dominance Orientation, and Right-Wing Authoritarianism. The results showed a faster association of the Politician-religiousness IAT’s congruent block (religious politician + positive); D score was positively correlated with fundamentalism and normative values; there was explicitly greater voting intention in the non-religious candidate, with influence of the religiousness level and the importance of religion. It is estimated that the objectives of this dissertation were achieved, contributing to the knowledge about the religious, educational and values aspects of the voting intention; and about implicit attitudes towards religious politicians.
Keywords: Intenção de voto
Voting intention
Orientação religiosa
Escolaridade
Valores
TAI
Religious orientation
Educational level
Values
???metadata.dc.subject.cnpq???: CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Paraíba
???metadata.dc.publisher.initials???: UFPB
???metadata.dc.publisher.department???: Psicologia Social
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social
Citation: SANTOS, Layrtthon Carlos de Oliveira. Aspectos religiosos, educacionais e valorativos da intenção de voto, 2015. 192 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Social) - Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2015.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.biblioteca.ufpb.br:8080/handle/tede/8183
Issue Date: 26-Feb-2015
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
arquivototal.pdfArquivo Total2.1 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.